Pesquisar este blog

segunda-feira, 19 de junho de 2006

Microsoft reconhece seus problemas

Qual não foi minha surpresa ao ler hoje uma notícia com o "substituto de Bill Gates" na Microsoft, Ray Ozzie, falando o que ele acha da complexidade dos softwares da Microsoft para os programadores, que bate direitinho com o que eu apontei no meu post anterior em relação ao .NET.

Ozzie teria dito: "A complexidade mata... ela atrapalha a vida dos desenvolvedores, torna os produtos difíceis de planejar, construir e testar, introduz desafios de segurança, e causa frustração em usuários e administradores".

É... parece que a Microsoft está de fato reconhecendo seus erros e querendo corrigí-los... Apesar da jogada de marketing envolvida, sem dúvidas a empresa merece um voto de confiança. E eu não estou falando dos problemas que os leigos e metidos a hackers por aí ficam acusando a Microsoft de cometer, mas sim dos verdadeiros problemas dela. Não estou falando de bugs e problemas de segurança, que na verdade existem e vão sempre existir em qualquer software existente no mundo, mas sim da demora da empresa em querer enxergar os novos rumos da computação, por uma questão de acomodação ao mercado que conquistou no passado.

Nenhum comentário: